Salvemos as duas vidas”: marcha contra o aborto quer reunir multidões

A Marcha Pela Vida, um movimento de oposição ao aborto, será realizada na Avenida Paulista, em São Paulo, no próximo dia 30 de setembro, às 15h00. A reunião de ativistas pró-vida acontece em um momento que o Supremo Tribunal Federal (STF) julga uma ação movida pelo PSOL solicitando a descriminalização da interrupção da gravidez até o terceiro mês.

Recentemente, milhões de conservadores – sobretudo cristãos – saíram às ruas em Buenos Aires em um protesto que pedia a reprovação do projeto de lei que pretendia legalizar a prática do aborto até a 14ª semana de gestação. A vitória dos defensores da vida vem sendo vista como um impulso para a manifestação que acontecerá no último domingo do mês em São Paulo.

A ideia, segundo os organizadores, é aproveitar o momento e “fazer um ato maior e massivo”, apartidário e sem viés religioso: “Este objetivo de incluir pessoas do povo que apoiem a causa sem distinções tenta demonstrar que a defesa da vida humana não depende de uma crença específica, ela é intrínseca ao próprio ser humano e vai muito além de uma questão religiosa. Outras cidades do Brasil”, afirma a organização.

De acordo com informações do portal Guia-me, o movimento no Brasil está repetindo o slogan dos militantes pró-vida argentinos: “Salvemos as duas vidas”.

A Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) proposta pelo PSOL visando a descriminalização do aborto foi apresentada no dia 8 de março de 2017, em parceria com o Instituto Anis. A coordenadora da Marcha Pela Vida em São Paulo, a jurista Teresinha Neves, observa que o evento milita também a favor do PL 4754, que criminaliza o ativismo do judiciário.

“Este é um evento inter-religioso, suprapartidário, que busca a defesa da vida”, declarou Teresinha, que faz parte do Movimento Nacional Cidadania Pela Vida – Brasil Sem Aborto e do Movimento Evangélicos Pela Vida. “Somos um país que, em sua maioria, é a favor da vida. Sabemos que para mostramos a nossa força ainda mais, é preciso que a gente vá para a rua e mostre que o Brasil é a favor da vida”, acrescentou.

A legislação vigente no Brasil estipula que o aborto pode ser praticado em gravidez resultante de estupro e quando a gestação representa um risco para a vida da mulher. Um precedente estabelecido pelo STF anos atrás garante também a realização do aborto em casos de anecefalia.

A postura do brasileiro sobre o aborto continua conservadora: em agosto, o Datafolha divulgou um relatório apontando que 59% dos brasileiros são contrários a alterações na atual lei sobre o aborto no Brasil.

Marcha pela Vida Brasil
30 de setembro
15h00
Avenida Paulista, próximo ao cruzamento com a avenida Brigadeiro Luís Antônio

Fonte Gospel Mais.

Aílson Garcia
Administrador em Ajduk's
Sou Ailson Garcia. Tenho 41 anos e sou o criador do portal gospel Ajduk's. Também sou locutor da rádio Ajduk's, editor do portal, fotógrafo, técnico de som e administrador direto da rádio. Sou casado com Andreia Garcia e moramos em Tupã desde 1988. Desde 2000 sou cristão dedicado a levar a palavra de Deus para o mundo. Tenho prazer em fazer a obra de Deus e através deste ministério alcançar vidas em todo o mundo com a ajuda da internet.
Aílson Garcia on EmailAílson Garcia on FacebookAílson Garcia on InstagramAílson Garcia on TwitterAílson Garcia on Youtube

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: